Mostrando postagens com marcador Uma chance para recomeçar. Mostrar todas as postagens

Olá Romeus e Julietas!  Hoje trago entrevista com a fofa da escritora Diana Scarpine. Ela é autora do livros Uma chance para recomeçar e E...


Olá Romeus e Julietas! Hoje trago entrevista com a fofa da escritora Diana Scarpine. Ela é autora do livros Uma chance para recomeçar e Entrelace. Vamos conferir?

Carina é uma workaholic rica e bem-sucedida cuja vida se resume ao trabalho. Afogada em estresse, ela não se importa com a solidão que ha...

Carina é uma workaholic rica e bem-sucedida cuja vida se resume ao trabalho. Afogada em estresse, ela não se importa com a solidão que habita seu coração, pois o amor nunca foi uma de suas prioridades, até que algo inusitado acontece. Repentinamente, ela se vê privada do trabalho e, desesperadamente, desejando aplacar a solidão que a consome, principalmente quando conhece Aurélio, que a trata de uma forma diferente da qual ela está acostumada. Consumido pela tragédia que vitimou sua família e deixou-lhe sequelas físicas e emocionais, Aurélio não quer nada além de se
afundar cada vez mais na dor e na culpa que sente. Suas certezas começam a ficar abaladas à medida
que Carina se aproxima cada vez mais dele. Quantos obstáculos são necessários vencer para recomeçar? O amor é capaz de vencer as amarras do passado e o preconceito?

Kleypas, Lisa. Uma chance para recomeçar / Lisa Kleypas ; tradução Bárbara Menezes. –Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito Editora, 2014. ...

Kleypas, Lisa. Uma chance para recomeçar / Lisa Kleypas; tradução Bárbara Menezes. –Ribeirão Preto, SP: Novo Conceito Editora, 2014.
Uma Chance Para Recomeçar - Victoria morreu em um trágico acidente, deixando sua filha Holly sob a responsabilidade do seu irmão, o solteiro convicto Mark. O tio Mark não se sentia muito preparado para cuidar da menina, mas assumiu o compromisso de devolver o sorriso aos seus lábios. No entanto, ele desconfia de que não esteja fazendo um bom trabalho, uma vez que Holly nunca mais falou desde que ficou órfã. Uma cartinha para o Papai Noel revela um desejo que pode ser a chave da felicidade de Holly: ela só quer ter uma mãe. Maggie perdeu o marido em uma batalha contra o câncer e não quer jamais - passar por tudo isso de novo. Por isso, ela fechou seu coração e prometeu a si mesma dedicar-se somente a sua nova loja de brinquedos em Friday Harbor, que permite às crianças viajar um pouco nas asas da imaginação. A amizade entre Maggie e Holly (que até passou a acreditar em fadas!) ao mesmo tempo comove e preocupa o tio Mark. Ele tem certeza de que a nova amiga fará bem a sua sobrinha, mas precisa decidir se a deixará entrar em sua própria vida...
Classificação: