Mostrando postagens com marcador cibercultura. Mostrar todas as postagens

ÉTICA NO JORNALISMO Por Paloma Viricio O modo de fazer jornalismo mudou com a chegada da chamada era da informação . Nesta as pe...

ÉTICA NO JORNALISMO


Por Paloma Viricio
O modo de fazer jornalismo mudou com a chegada da chamada era da informação. Nesta as pessoas tem necessidade da notícia de forma simples e rápida.

O CIBERESPAÇO COMO UM PASSO METAEVOLUTIVO  PIERY LEVY Por Paloma Viricio O filósofo francês, Piery Lévy , acredita que a ...

O CIBERESPAÇO COMO UM PASSO METAEVOLUTIVO  PIERY LEVY


CIBERMEIO-METAMEIO


Por Paloma Viricio

O filósofo francês, Piery Lévy, acredita que a cibercultura não é neutra, ela pode interferir no real. Para ele, com as biotecnologias podemos criar novas espécies de plantas e animais, mas também novos ecossistemas sobre os quais temos menos controle.

Assim, Lévy acredita que a raça humana está tornando-se um superorganismo a construir sua unidade através do ciberespaço, que cresce como se fosse o sistema nervoso dessa biosfera.

A vida seria como um processo evolutivo que caminha em direção a um processo mega-evolutivo, seguindo em destino a digitalização, virtualização e à inteligência coletiva.

O ciberespaço cria uma outra relação de cultura.


Existe então uma autonomia da cultura. De acordo com o autor, o ciberespaço não é um meio e sim um metameio que integra todas as mídias anteriores (escrita, imprensa,telefone, cinema, rádio, televisão) tendo objetivo criar e produzir signos.


metameio


A comunicação nesse espaço é feita de muitos para muitos gerando a interconexão geral em tempo real, onde formas culturais e linguísticas estão vivas.

Segundo Piery Lévy, a evolução está cada vez mais sob nossa responsabilidade.

Somos responsáveis pela criação do ciberespaço porque produzimos os conteúdos que o nutri.


Há ainda o pensamento que no futuro haverá a junção de homem e máquina através da criação de nanorobôs, computadores biológicos e hipercorpos modificados. Mas, ainda assim é importante o contato afetivo porque não podemos ser robotizados o tempo todo.


Licença Creative Commons
Com base na obra disponível em palomaviricio.blogspot.com.

Obs.: Todos os textos produzidos neste blog são da minha autoria e estão registrados. Se utilizá-los, por favor lembre-se dos créditos. 

Por Paloma Viricio O que é Cibercultura para Lévy? Para Pierre Lévy , o ciberespaço é uma espécie de ambiente aberto pela inter co...

Por Paloma Viricio

O que é Cibercultura para Lévy?

Para Pierre Lévy, o ciberespaço é uma espécie de ambiente aberto pela inter conexão mundial de computadores e das memórias destes. Seria um novo universo onde as pessoas estariam participando de uma nova forma de comunicação, através de novas tecnologias digitais. Fica claro no texto de Lévy, que a web é o maior meio onde a cibercultura trona-se atuante, entretanto, ela também está presente nos celulares, TVs portáteis e outras convergências tecnológicas.


cibercultura-para-levy

Quando surgiu o Ciberespaço?

O Ciberespaço é um novo mundo feito de todos para todos. Isso porque os indivíduos compartilham uma espécie de inteligência coletiva. Não é apenas um que pode produzir conteúdo. Esse conceito esfarelou-se. O “ Ciber “ é o lugar de todos. O indivíduo tanto pode usufruir como também nutri o ambiente virtual.

A comunicação muda sua forma tradicional, já que, todos compartilham uma inteligência que torna-se única,é a junção intelectual do coletivo. Lévy enfatiza que as realidades virtuais servem cada vez mais como mídia de comunicação. Também deixa claro que a intenção não é substituir o real, mas sim, fortalecer e facilitar ainda mais as relações de carne e osso.

O que é Cibercultura?  Exemplos

o-que-e-ciberespaço


Outro fator que possibilita o sucesso da cibercultura, segundo o pesquisador, é a emersão da web 2.0. Foi nela que os indivíduos puderam participar ativamente do processo comunicacional, antes impossível na web 1.0.

O ser humano passou a ter mais facilidade para utilizar a máquina computador. No ciberespaço os indivíduos é que têm poder de transformar tudo a todo o momento. Por isso, que Lévy afirma que o “ciber” é um mundo virtual, imenso que está sempre em mutação.
Obs.: Todos os textos produzidos neste blog são da minha autoria e estão registrados. Se utilizá-los, por favor lembre-se dos créditos.